sexta-feira, 29 de junho de 2012

Carla e seu chefe


Após nosso 1º ménage masculino tive certeza que meu maior prazer é ver a Carla com outros homens, pois bem, os dias passaram e eu comecei a sentir tesão ao imaginá-la com pessoas do nosso ciclo de amizade, mas é claro, não pretendia me expor para eles.
Coincidências a parte, nesta mesma época Carla me confessou que seu chefe estava com brincadeiras indecentes, foi quando disse a ela do meu tesão e que adoraria liberá-la para ele, contudo, ela não quis misturar as coisas.
Ele era um cara normal, 40 anos, branco, 1.70alt, não era atlético, mas segundo informações era um tremendo galinha, Carla descobriu que ele teve caso com várias funcionárias e clientes da loja, a partir daí ela se sentiu interessada, mas continuou irredutível.
Mas eis que apareceu uma oportunidade interessante, Carla me disse que ele, a esposa, outra funcionária e ela, tinham de ir para o litoral do Rio de Janeiro instalar um sistema e ao me perguntar se eu deixaria, "não preciso nem dizer qual foi a resposta né". Fiquei muito excitado e falei para ela se divertir, dar mole, e ela disse que não.
Passaram-se 03 dias e ela retornou no sábado, disse que a viagem foi tranquila e me pediu para irmos a um barzinho a noite e é claro que aceitei, após algumas cervejas ela disse que tinha uma coisa boa para me contar, que na 1ª noite da viagem eles (todos) fizeram uma confraternização, que após algumas cervejas, ela e o chefe ficaram sozinhos conversando sobre uma reunião do dia seguinte, quando ela passou por ele para ir a cozinha ele a puxou e a agarrou pelas costas e começou a acariciar seus seios e a cochichar no seu ouvido dizendo o quanto ela era gostosa.
Carla me confessou que imediatamente sentiu o pau dele forçando no seu bumbum, que se virou e disse que ele era louco, que as mulheres podiam acordar, então ele pediu para ela ver a amiga enquanto ele ia olhar a esposa, Carla disse que ficou muito excitada e se lembrou o quanto eu iria gostar e mais, queria saber se ele realmente era tão bom como as ex funcionárias diziam.
Ela disse que para evitar surpresas e para atiçar ele, foi para o corredor de frente a porta do quarto da esposa dele e ali aguardou ele sair, mandando que ele deixasse a porta aberta, quando ele disse, “você é louca?” E ela disse, “você vai me ter só se for aqui de frente da sua esposa!” Ele não pensou duas vezes e já foi tirando os seios dela para fora do vestido e mamando como um bezerrinho faminto, levando as mãos entre suas pernas, arrancando rapidamente a calcinha, levantando a saia e começando aquele esfrega gostoso, passando o pau entre suas pernas, tudo ali, em pé encostado na parede de frente a porta do quarto dela, é muita safadeza!! Quando Carla percebeu que ele estava empolgado demais, ainda sem camisinha, ela ajoelhou e adorou o que viu, um pau normal, 17 cm, mas lisinho (para ela isso conta muito), ai não teve frescura, caiu de boca e chupou, só parando porque percebeu que ele estava quase gozando e gemia alto, ao ponto de acordar a esposa, quando Carla se levantou ele a pegou no colo com força, chegando a cabecinha a entrar na portinha da bucetinha, momento que Carla o travou na hora e disse que rolava só de camisinha e ele disse, “fudeu”, tenho só uma e está na minha carteira, no quarto e Carla disse, “só rola assim”, então ele entrou no quarto da esposa e com muita dificuldade achou a salvadora camisinha, saindo rapidamente e se deparando com Carla encostada na parede se masturbando e de imediato ela mandou ele chupá-la e ele atendeu prontamente.
Enquanto ele chupava, já foi colocando a camisinha, por mais que estivesse gostando, eles já estavam ali a um bom tempo e já corriam muito risco, então ele pegou ela por trás, colocando a mão dela na parede, ela ficou quase que de quatro e ai não teve dificuldade para rolar uma rapidinha, ela disse que não deu 10 metidas e gozou muiiiiiiito.
Assim que ele gozou, já colocaram as roupas e mal se despediram. Mas histórias entre os dois ainda terão muitas, esse dia foi só o começo..................


Acontecido em 2008.

            Claro que após Carla me contar esse maravilhoso acontecimento, fechamos nossa noite em um Motel maravilhoso, tamanho foi o merecimento dela.
      
Abraços Luiz


Leia nosso perfil e encontrará nosso contato

2 comentários:

  1. Que história excitante...que loucura, só de ler me deu um tesão incrível...a Carla também adora correr riscos hein, mais que foi um acontecimento e tanto foi sim...parabéns

    ResponderExcluir
  2. Delicia,quero parcipar uma foda com vcs

    ResponderExcluir